Neste final de semana tivemos um pequeno desafio, o Dudu precisava fazer um “bicho” com materiais reciclados para levar para a escola na segunda-feira. Passamos alguns dias separando alguns materiais que talvez pudéssemos utilizar em nossa obra de arte e no domingo a tarde reservamos um tempo para colocarmos a mão na massa ou melhor no material reciclado.

Quero muito agradecer aos professores do Dudu, pois com as atividades que ele recebe para fazer em casa temos mais uma boa oportunidade de ótimos momentos, momentos de aprendizados, de descontração, de risadas e de família.

Trabalho com educação a mais de dez anos, conheço um pouquinho do processo de Ensinar, de Aprender e de Mediar, mas o processo (o presente) se ser pai vai além disso. Ser Pai é também ser professor e aprendiz durante 24h por dia 7 dias por semana, ser pai é ensinar até quando não se percebe que está ensinando e isso é ótimo e ao mesmo tempo um desafio. Um desafio porque é um verdadeiro reality show onde um menino (no meu caso) está quase que em tempo integral lhe observando, lhe imitando, lhe avaliando mesmo que de forma prematura, aprendendo e lhe ensinando.

Acho tudo isso fantástico, a possibilidade de plantar inúmeras sementinhas e poder acompanhar o crescimento de boa parte delas. Indiferente da correria diária de qualquer pai (ou responsável) o crescer destas sementinhas são notados em inúmeros momentos. Por exemplo quando você esta no transito com um pouco de pressa (quase sempre) e da aquela aceleradinha para passar nos últimos segundo do sinal aberto e escuta uma voz vinda do banco atrás, “Gabriel, você não viu que estava laranja?”. E neste momento o riso se mistura com um sentimento de mal exemplo. Ou quando você vai deitar depois de um longo dia de trabalho, quando seu corpo está quase flutuando na cama e aparentemente do além você escuta “ei, nós não vamos rezar?”. E após uns segundos brigando contra o sono você responde, “ vamos sim Dudu, estava apenas esperando você começar”. (risos). Quando no meio da semana você esquece de alguns acordos e convida o pequeno para jogar vídeo game e recebe como resposta “não Gabriel, só posso na sexta-feira”. Enfim os exemplos são inúmeros e os mais diversos, mais legal de relatar todos estes exemplos é poder fazer parte deles.

E este “professor” é um indivíduo que por mais que se prepare nunca estará pronto, nunca terá todas as responsas para os constantes porquês, mas sim, estará sempre ensinando e aprendendo.

Nós em processo de produção.

 

Nossa Obra. Simples mas divertida.

24-08-2016

One thought on “Eterno Professor e Aprendiz

  1. Show!!!!
    Amei a obra…Amei mais ainda fazer de alguma forma parte desse momento com vcs!!!
    Eles serão muitos e com certeza inesquecíveis!!!
    Parabéns, VC com certeza está no caminho de ser o maior!!!
    Obrigada por nos ensinar tanto!!!!Amo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *